quarta-feira, 14 de março de 2012

Aula sobre o gênero Carta



Em 1831, ao deixar definitivamente o Brasil para assumir o trono de Portugal, D. Pedro I escreveu a seu filho D. Pedro II a seguinte carta:

Carta a D. Pedro II
D. Pedro I


Meu querido filho, e meu imperador:


Muito lhe agradeço a carta que me escreveu, eu mal a pude ler, pois que as lágrimas eram tantas que me impediam a ver; agora que me acho, apesar de tudo, um pouco mais descansado, faço esta para lhe agradecer a sua, e para certificar-lhe que enquanto vida tiver as saudades jamais se extinguirão em meu dilacerado coração.

Deixar filhos, pátria e amigos, não pode haver maior sacrifício; mas levar a honra ilibada, não pode haver maior glória. Lembre-se sempre de seu pai, ame a sua mãe, e a minha pátria, siga os conselhos que lhe derem aqueles que cuidarem na sua educação, e conte que o mundo o há de admirar, e que me hei de encher de ufania por ter um filho digno da pátria.

Eu me retiro para a Europa: assim é necessário para que o Brasil sossegue,e que Deus permita, e possa para o futuro chegar àquele grau de prosperidade de que é capaz.


Adeus, meu amado filho, receba a bênção de seu pai que se retira saudoso e sem mais esperança de o ver.


Ass. D. Pedro de Alcântara


Bordo da Nau Warspite
12 de abril de 1831


In: JOÃO ARMITAGE. História do Brasil. Rio de Janeiro: Zélio Valverde, 1943. P. 313

Exercícios:
1) Quem é o remetente e o destinatário dessa carta?
2) Essa é a primeira carta trocada entre eles?
3) Onde estava D. Pedro I ao escrever essa carta?
4) Além de na introdução, existe um outro vocativo nessa carta? Onde?
5) Procure no dicionário o que significam as palavras “ilibada” e “ufania”? há mais alguma palavra que você não conheça nessa carta?
6) Qual o propósito da carta?
7) Segundo a carta, quando pai e filho pretendem se reencontrar?

Gabarito
1) O remetente é D. Pedro de Alcântara (D. Pedro I). O destinatário é seu filho (D. Pedro II).
2) Não. Esta é uma carta-resposta.
3) A bordo de um navio, a Nau Warspite.
4) Sim. Na despedida: “Meu amado filho”.
5) Ilibada: pura; ufania: honra, orgulho, dignidade.
6) Responder a carta do filho e aconselhá-lo.
7) Nunca. D. Pedro I não tem mais esperanças de ver o filho.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...