sábado, 12 de setembro de 2015

Atividade de interpretação a partir do romance "Frankenstein", de Mary Shelley


# Questões a partir de um trecho do livro "Frankenstein", de Mary Shelley, em que o personagem  Victor Frankenstein (médico) narra o momento em que toma conhecimento sobre a eletricidade e passa a ter ideias intrigantes:

"...abandonei de pronto as minhas prévias ocupações; desembaracei-me da história natural e toda a sua gênese, como se fossem criaturas disformes e abortivas ... Nesse estado de espírito, eu me dediquei à matemática e aos ramos de estudo dela derivados, por estarem apoiados em sólidos estudos e, portanto, serem dignos de minha consideração.
...Em retrospecto, me parece que esta mudança quase milagrosa em minha inclinação e vontade foi sugestão imediata do meu anjo da guarda — o último esforço do espírito de preservação para impedir a tormenta que mesmo naquele momento formava-se nos céus, pronta para me atingir... mas foi em vão. O destino era por demais potente, e as suas leis imutáveis haviam decretado minha mais absoluta destruição".

# Questões:
1. O trecho acima tem relação com que ideia da palavra "romance": relacionamento amoroso ou narrativa longa e fictícia? Explique sua resposta.

2. O que você conhece ou já ouviu falar sobre o personagem "Frankenstein"?

3. Qual o foco narrativo utilizado: narrador personagem ou narrador observador? Explique sua resposta.

4. Qual o discurso usado: direto ou indireto? Explique sua resposta.

5. Reconheça os valores semânticos das orações retiradas do trecho do livro:
a) "... como se fossem criaturas disformes e abortivas"

b) "... portanto, serem dignos de minha consideração"

c) "... mas foi em vão"

d) "... e as suas leis imutáveis haviam decretado minha mais absoluta destruição" Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...