quarta-feira, 31 de julho de 2013

Atividades sobre Complemento Nominal (I)


O texto seguinte é uma tradução da Declaração dos Direitos da Criança, aprovada pela Assembleia  Geral das Nações Unidas, em 1959. Leia-o, observando sua construção, e depois responda às questões  de 1 a 5.

Os Direitos da Criança
Toda criança tem direito à igualdade, sem distinção de raça, religião ou nacionalidade.
Toda criança tem direito a crescer dentro de um espírito de solidariedade, compreensão, amizade e justiça entre os povos.
Toda criança tem direito a um nome, a uma nacionalidade.
Toda criança tem direito ao amor e à compreensão por parte dos pais e da sociedade.
Toda criança tem direito à educação gratuita e ao lazer infantil.
Toda criança tem direito à alimentação, moradia e assistência médica para si e para a mãe.
Toda criança tem direito a ser socorrida em primeiro lugar.
Toda criança física ou mentalmente deficiente tem direito à educação e a cuidados especiais.
Toda criança tem direito a especial proteção para o seu desenvolvimento físico, mental e social.
Toda criança tem direito a ser protegida contra o abandono e a exploração no trabalho.

1. Na oração “Toda criança tem direito à igualdade”:
a) Qual é a predicação do verbo ter?
b) Qual é a função sintática do termo direito?
c) O termo à igualdade completa o sentido de tem ou de direito? Por quê?
d) Conclua: Qual é a função sintática do termo à igualdade?

2. O complemento nominal pode representar o alvo para o qual tende um movimento, um sentimento ou uma disposição expressa por um substantivo. Observe os vários empregos do termo direito no texto. A criança tem direito a alguma coisa. Indique a palavra que, em cada parágrafo, resume o direito ao qual se está fazendo referência.

3. O texto a seguir é um trecho de um documento elaborado em 1993 pelo governo americano  sobre direitos humanos no Brasil. Leia-o.

Brasileiros e organizações internacionais têm acusado que policiais e pistoleiros eliminam pessoas suspeitas de serem criminosas, incluindo meninos de rua. Há confiáveis relatórios informando  que juízes e promotores públicos obstruem processos contra matadores de criança.
(Apud Gilberto Dimenstein. O cidadão de papel. São Paulo: Ática, 1993. p. 23.)

a) De acordo com o texto, os direitos da criança têm sido respeitados em nosso país?
b) Por que, na sua opinião, alguns juízes e promotores agem da forma mencionada no texto?

4. O redator do texto sobre os direitos da criança poderia ter evitado, mas preferiu repetir a expressão Toda criança tem direito a. Que efeito de sentido a repetição causa no texto?

5. Que tal brincar um pouco?
a) Redija um pequeno estatuto dos “Direitos do(a) filho(a)”. Para isso, complete a frase abaixo
com cinco complementos nominais. Depois leia seu estatuto para os colegas e divirta-se!
Todo(a) filho(a) tem direito a…

b) Colocando-se no papel de seus pais, faça o mesmo: complete a frase abaixo com cinco complementos nominais, compondo os “Direitos dos pais”.

# RESPOSTA (GABARITO)

Leia mais: 
Atividades sobre Complemento Nominal (II) 
Atividades sobre Orações Subordinadas Substantivas Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...