sábado, 5 de julho de 2014

Atividade a partir do texto "Futebol e tecnologia", de Ana Fukui



Atividade para aula de língua portuguesa a partir do texto "Futebol e tecnologia", de Ana Fukui, com exercícios de interpretação de texto.

Futebol e tecnologia
Ana Fukui

No meu tempo de criança - e nisso lá se vão mais de 30 anos! - a novidade para a Copa do Mundo era comprar uma TV em cores! Isso mesmo: televisão, para a maioria dos mortais, era só em preto e branco. Colorida? Só para os "magnatas".

Mesmo em cores, lá pelos idos de 1982, o jogo era transmitido com uma imagem fixa do campo. Nada de exibir vários ângulos do gol, de reexaminar a imagem de uma jogada duvidosa. E ver a expressão dos jogadores, então? Naquela época, nem pensar! Hoje, contamos até com a tal da Spidercam, que, com quilômetros de cabos instalados nos estádios, permite que vejamos, no conforto de nossas casas e em tempo real, muitos e muitos ângulos de qualquer lance.

Quem vai aos estádios, no entanto, não fica de fora dos privilégios e dos confortos que a tecnologia nos traz: ela deixa tudo  mais seguro para os torcedores, para os juízes e para os jogadores. Afinal, torcer tem de ser divertido e não perigoso, certo?

Aos mais esquentadinhos de plantão, o recado é direto: os estádios a serem (re) inaugurados para a Copa contarão com monitoramento permanente e câmeras de vigilância que permitem identificar as pessoas que possam criar conflitos. Por exemplo, na Arena Fonte Nova,  na Bahia, são 227 câmeras instaladas em pontos estratégicos! É muito olho eletrônico, não é?

Com tanto fio e energia elétrica consumida na iluminação e no funcionamento dos equipamentos, é quase obrigatório pensar em formas alternativas de se gerar energia. Assim, a maior parte das arenas terão células fotovoltaicas para a transformação de energia luminosa em energia elétrica. O que sobra é usado pelas casas ao redor dos estádios.

Da próxima vez em que assistir a um jogo, procure reparar não só na movimentação dos atletas, mas também observe, com verdadeiros olhos de lince, as tecnologias que permitem todo o espetáculo. Boa Copa!

Exercícios:

1. A que gênero textual pertence esse texto?

2. O texto em questão apresenta-nos uma resposta para uma dúvida da ciência. Que dúvida é essa?

2. Há 30 anos, segundo a autora, qual era a novidade da tecnologia para se assistir à Copa do Mundo? Por quê?

3. O que a autora sugere ao usar a expressão “para a maioria dos mortais”?

4. Quem eram os “magnatas” a que a autora se refere?

5. O que a Spidercam proporciona hoje aos telespectadores dos jogos da Copa?

6. De que forma a tecnologia pode auxiliar os torcedores que vão aos estádios?

Referência: http://atividadeslinguaportuguesa.blogspot.com.br/