segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Aula 03: Anedota "Telegrama inesperado", Ziraldo


Telegrama inesperado

O cara estava viajando pela Europa, quando recebeu um telegrama do seu caseiro, no Rio de Janeiro, seu velho amigo Manoel Joaquim. O telegrama dizia apenas:

“Seu gato morreu pt”

O turista ficou uma fera. Levou o maior susto, pois ele amava o gato.

Aí, quando voltou ao Brasil falou pro Manuel:

– Manuel, tu quase me matas de susto. Não é assim que se faz, Manoe. Teu gato morreu! É um choque. Você devia ter passado primeiro um telegrama me preparando. Por exemplo: “Teu gato caiu do telhado”. Eu começaria a me preparar para o choque, entende? Depois você passava outro: “Teu gato passando muito mal”. E depois, então, quando já estivesse preparado você dava a notícia: “Morreu”.
O Manuel entendeu muito bem. Tanto que, no ano seguinte, quando o dono da casa foi viajar para a Europa de novo, Manuel telegrafou para ele, dando uma terrível notícia com muito cuidado:

“Sua mãe caiu do telhado pt”

(Ziraldo)

Exercícios:
1. Qual o motivo de Manuel ter optado por utilizar o telegrama para dar a notícia da morte do gato do amigo?

2. Analisando a mensagem “Seu gato morreu pt”, podem-se perceber duas características próprias da linguagem do telegrama. Quais são elas?

3. Por que o turista ficou furioso ao receber a mensagem de Manuel?

4. Por que os telegramas costumam ter poucas palavras escritas?

5. Explique o humor contido na mensagem do telegrama - “Sua mãe caiu do telhado pt” - que Manuel enviou ao amigo?
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...